Museu do Amanhã no Rio de Janeiro.

Museu do Amanhã no Rio de Janeiro.

Museu do Amanhã no Rio de Janeiro. Na foto estou no interior de um lugar que me surpreendeu. O design do Museu é inspirado na cultura carioca e, através de sua arquitetura, explora a relação entre a cidade e o ambiente natural. 

O Museu inclui 5.000 metros quadrados de espaço para exposições temporárias e permanentes, além de uma praça com 7.600 metros quadrados que envolve a estrutura e se estende ao longo da doca. 

O edifício apresenta grandes saliências de 75 metros de comprimento no lado de frente para a praça e 45 metros de comprimento no lado de frente para o mar. Esses recursos destacam a extensão do museu da doca para a baía. 

A exposição permanente fica no andar superior e possui um teto de 10 metros de altura com vistas panorâmicas da Baía de Guanabara. A altura total do edifício é limitada a 18 metros, o que protege a vista da baía do Mosteiro de São Bento, um Patrimônio Mundial da UNESCO.

O teto em balanço com suas grandes asas móveis e a estrutura da fachada expandem quase todo o comprimento do píer, enfatizando a extensão para a Baía de Guanabara, minimizando a largura do edifício. 

Uma piscina de reflexão ao redor do prédio do lado de fora é usada para filtrar a água que está sendo bombeada da baía e liberada de volta do final do píer e tudo isto foi pensado para dar aos visitantes a impressão de que o Museu está flutuando.

O edifício é orientado na direção norte-sul, fora do centro do eixo longitudinal leste-oeste do píer, maximizando um recurso paisagístico contínuo contendo belos jardins, caminhos e áreas de lazer ao longo da extensão sul do píer. 

Uma passarela ao redor do perímetro do píer permite aos visitantes circunavegar o Museu, enquanto desfrutam de vistas panorâmicas do Mosteiro de São Bento e da Baía de Guanabara. 

O nível inferior contém salas funcionais e técnicas, como os escritórios administrativos do museu, instalações educacionais, espaço de pesquisa, auditório, loja do museu, restaurante, saguão, arquivos, armazenamento e área de entrega.

Localizado no Píer de Mauá, o Museu do Amanhã faz parte de uma revitalização maior do Porto Maravilha, o bairro portuário do Rio de Janeiro. O projeto permite uma melhor integração entre o Distrito Portuário e o centro da cidade e está ajudando a tornar essa área um dos bairros mais atraentes da cidade. O prédio é um resultado de um diálogo consistente. O prédio foi construído para ser um museu para o futuro e uma unidade educacional

O edifício apresenta um design sustentável, incorporando energia natural e fontes de luz. A água da baía é usada para regular a temperatura no interior do edifício; essa fonte também fornece água para as piscinas refletivas ao redor do museu. O Museu também utiliza painéis solares fotovoltaicos, que podem ser ajustados para otimizar o ângulo dos raios solares ao longo do dia e gerar energia solar para abastecer o edifício.

O museu visionário está focado em responder a cinco perguntas principais: De onde viemos? Quem somos nós? Onde estamos? Onde estamos indo? E como queremos viver juntos nos próximos cinquenta anos?

As exposições do Museu abordarão questões como crescimento populacional e aumento da expectativa de vida, padrões de consumo, mudança climática, engenharia genética e bioética, distribuição de riqueza, avanços tecnológicos e mudanças na biodiversidade. A exposição permanente é comissariada pelo físico e cosmólogo Luiz Alberto Oliveira e projetada por Ralph Appelbaum, com a direção artística de Andres Clerici.

Além da principal área de exposições, o Museu tem espaço para exposições temporárias, um auditório para 400 pessoas, um café, um restaurante e uma loja de presentes. O Museu também sediará o Laboratório de Exploração do Amanhã, um espaço para atividades educacionais e projetos e protótipos de amostra. O Observatório do Amanhã proporcionará um espaço para pesquisas tecnológicas e científicas, que poderão ser integradas às exposições do Museu.

Comments

comments

Did you like this? Share it:

Sobre o Autor:

Leave A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.