10 Top atrações dentro do Equador

Home/Destinos/América do Sul/Equador/10 Top atrações dentro do Equador

10 Top atrações dentro do Equador

10 Top atrações dentro do Equador

1 – Centro Histórico de Quito 

Quito, a capital do Equador. Trata-se de uma região andina, mais especificamente um vale, cheio de montanhas e vulcões ao seu redor. Suas belas características naturais somadas à preservação de seu patrimônio histórico a tornam ainda mais atrativa. Inclusive, seu centro histórico foi declarado patrimônio da humanidade pela Unesco.

Imagem para Mundo de Chico - Basilica Centro historico quito w

2 – Praias do Equador

Já para quem gosta de praia e, mais ainda, de surfar, a dica ideal é conhecer Montañita. Trata-se de um vilarejo de pescadores, mas com uma das praias mais lindas do mundo, e com condições perfeitas para a prática do surfe. Por ali, os visitantes também terão o privilégio de conhecer o Parque Nacional Machalilla, onde poderão mergulhar e observar o modo de vida de animais, especialmente as baleias jubartes.

3 – Galapagos

Gab de Curitiba – Cliente Naiade Viagens em Galapagos

Mas um dos destinos mais procurados por quem vai para o Equador é o arquipélago de Galápagos. Localizado no Oceano Pacífico, a cerca de 950 quilômetros do continente, ele reúne 13 ilhas e várias outras ilhotas, esbanjando exuberante beleza natural, com encantadores pinguins e tartarugas, além de variadas espécies vegetais. Toda a infraestrutura está em Santa Cruz e as atrações vulcânicas ficam em Santiago. Mas Galápagos por inteiro é imperdível. Não dá pra não conhecer.

Veja mais sobre Galapagos em MundodeChico.com

4 – Avenida do Vulcões

O nome foi dado pelo explorador alemão Alexander von Humboldt, em 1802: Avenida dos Vulcões. Um parque temático natural — e formidável. A Rodovia Panamericana concentra nove dos dez maiores vulcões do país (o Equador soma 55 desses gigantes, oito deles em atividade). É melhor não dirigir. Afinal, você estará o tempo todo olhando para cima, para divisar o Cotopaxi (5897 metros) e o gigante principal, o Chimborazo (6310 metros).

5- Parque Nacional Cotopaxi

Parque Nacional Cotopaxi no Equador – Eu em Março de 2019

Milhares de alpinistas de todas as nacionalidades alcançaram o seu cume e muitos outros sonham em fazê-lo. No nosso caso desta vez não rolou fazer muita aventura, e não fomos muito além, ficamos no Trekking, e foi maravilhoso. Acompanhe as fotos por todo este post, as paisagens, a impressão é que você está num paraíso.

Por estar localizado no centro do beco interandino e muito próximo de várias cidades como Quito e Latacunga, o Parque Nacional de Cotopaxi é um dos mais visitados e certamente onde muitas pessoas tocam a neve pela primeira vez.

6 – O Teleférico de 4 mil metros

O melhor é começar vendo de cima. Pode ser do velho mirante (mirador) Itchimbía ou do moderno teleférico que desliza a mais de 4 mil metros até a porta de entrada do Vulcão Pichincha. Do alto, você admirará a topografia de Quito. A cidade está encarapitada a 2850 metros, em um vale estreito e comprido, cercado de montanhas de porte. Uma vez situado, recomenda-se calçar sapatos confortáveis. Você percorrerá parte dos 72 quarteirões que levaram a Unesco a elevar Quito a Patrimônio Cultural, há mais de três décadas.

7 – As mais de 40 igrejas de Quito

Se fosse um passeio especializado, você reservaria seu tempo para as 40 igrejas da Ciudad Vieja. Detenha-se ao menos em uma: a barroca Iglesia de la Compañia. Aconselha-se, também, visitar o Monastério de San Francisco, um dos maiores do planeta. Caminhar pelas ruelas do Centro Histórico mais preservado da América Latina é uma surpresa. Nessa jornada pelos séculos 16 e 17, a pausa para o café pode ser feita num ponto ainda mais remoto: a Calle Ronda é anterior à colonização espanhola, iniciada em 1534. Foi erguida ainda antes de Quito ser tomada pelo Império Inca.

8 – Rituais Xamânicos

Você não entenderá nada do que os índios conversam entre si em Otavalo. O idioma quíchua é tarefa complicada até para etnólogos e filólogos. Seus olhos compreenderão que a cidadezinha de 30 mil moradores tem a maior feira indígena da América Latina. São mais de mil artigos diferentes de uma arte intrincada e colorida. É tamanho o prazer que muitos se esquecem de outro programa delicioso: as excursões promovidas pelos próprios índios para conhecer seu modo de vida e até participar de rituais xamânicos.

9 – Trem dos Vulcões

Outra maneira de passear entre os vulcões é com o tradicional trem estatal. Onde os passageiros disputam os melhores lugares no teto dos vagões. A justificativa para a excentricidade: a paisagem irresistível. O trem leva, ainda, ao Parque Nacional de Cotopaxi, na transição dos Andes para a Amazônia. Algumas das antigas fazendas foram transformadas em adoráveis pousadas.

10 – Quilotoa

Localizada na província de Cotopaxi e ocupando o interior de uma cratera vulcânica, é a Lagoa Quilotoa. Esta atração natural é característica para desfrutar de águas azul-turquesa que se fundem com a paisagem, simulando um ambiente de fantasia.

# Fica a dica do Chico para o 11

Tartarugas nascidas no século 19 e os menores pinguins do globo fazem parte do comitê de recepção de Galápagos. Essa fauna foi essencial nos estudos de Charles Darwin. Hoje, há uma seleção natural no número de turistas para não afetar o delicado meio ambiente. Ainda bem. Cada uma das treze ilhas principais tem sua marca. Em Santa Cruz, está a infraestrutura. Em Fernandina, a maior atividade vulcânica. Em Santiago, a generosa população de lobos-marinhos. Em todas, uma exclusividade. Das mais de 5 mil espécies catalogadas, 40% só existem aqui.

 

Para Saber Mais…

Vamos Viajar?

Logo para Naiade - Naiade Preto e Branco para site
Convido você a conhecer a Naiade Viagens. Diferente de verdade, a empresa é admirada por seus clientes. Considerada no mercado como uma das primeiras Love Brands brasileiras, muitas das viagens da Naiade são personalizadas e os grupos mundo afora são especiais e únicos.

Comments

comments

Did you like this? Share it:

Sobre o Autor:

Leave A Comment