Canal do Jari no Alter Chão

Canal do Jari no Alter Chão

Canal do Jari no Alter Chão

Na região de Alter do Chão no Pará existe um lugar onde o Rio Tapajós e Amazonas se encontram, um lugar perfeito para ver a flora e a fauna da região como Jacarés, Iguanas, Papagaios, Botos dentre outros e esse lugar se chama Canal do Jari, um braço estreito do Rio Amazonas.

A área onde os famosos rios se encontram é perfeita para avistar espécies da fauna e da flora local, como aves, jacarés, preguiças, iguanas, macacos e até botos — além de suas grandiosas vitórias-régias. Por sua diversidade de peixes, a atração turística também é um ótimo lugar para quem gosta de pescar.

Assim como toda região amazônica, o Canal do Jari possui dois períodos muito marcantes e diferentes entre si: a época das cheias e a das secas. O primeiro período começa em fevereiro e vai até o mês de agosto — nessa época, a localidade fica inundada e o percurso só pode ser realizado de barco ou canoa. Já a época das secas tem início em setembro e termina em janeiro — durante esse período, é possível percorrer trechos a pé.

O que vale é o meio

O trajeto dura em torno de 5 horas, nas quais os turistas podem observar as casas e um pouco da rotina das famílias ribeirinhas enquanto circulam entre a copa das árvores — um passeio muito parecido com o da Floresta Encantada, porém, no Canal do Jari, é mais fácil de avistar as espécies de animais.

No caminho de volta, além da tranquilidade típica do entardecer amazônico, é possível se deslumbrar com o cenário de tirar o fôlego oferecido pelo belo pôr do sol em meio às águas do rio Tapajós.

Para realizar essa aventura, é preciso estar bem preparado! Além de levar protetor solar, repelente de insetos e garrafinha de água na mochila, é recomendado vestir peças de roupas leves e confortáveis e tênis — afinal, o trajeto que pode ser percorrido a pé é estreito e um tanto íngreme.

 

Comments

comments

Did you like this? Share it:

Sobre o Autor:

Leave A Comment

Você é humano?