Sambódromo do Rio de Janeiro

Sambódromo do Rio de Janeiro

Sambódromo do Rio de Janeiro

Bem-vindo ao Sambódromo Marquês de Sapucaí, sede dos desfiles do Sambódromo do Carnaval do Rio! Um estádio construído especialmente para sediar o desfile anual das Escolas de Samba a cada ano durante o festival do Carnaval no Rio de Janeiro, Brasil.

O Sambódromo do Rio de Janeiro é composto de estruturas individuais independentes para a visualização de espectadores, chamados setores, que se situam em ambos os lados de um longo beco onde desfila o desfile das Escolas de Samba.

Sambódromo do Rio de Janeiro

Poucos dias antes do grande evento, a pista do Carnaval é pintada de branco, preparando-se para sediar um espetáculo deslumbrante de ritmo e dança enquanto os membros das Escolas de Samba mais elitizadas do Rio de Janeiro percorrem seus 13 metros de largura e 700 metros de comprimento. meia milha) trecho da Passarela Professor Ribeiro Darcy.

No final da rota do desfile há um complexo chamado Praça da Apoteose, ou Praça da Apoteose, que é composto por um conjunto de arquibancadas que criam uma praça na qual os participantes do desfile podem celebrar, reunir e tirar suas fantasias magníficas como a procissão da escola. chega ao fim.

Explore o Sambódromo do Rio de Janeiro com detalhes, desde sua inauguração em 1984 até as recentes reformas na preparação para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

Conheça a estrutura deste magnífico local, projetado por seu mentor, o mundialmente renomado arquiteto brasileiro Oscar Neimeyer.

Conheça as diversas opções de ingressos para o Carnaval do Rio, desde as Camarotes ou Luxury Box Suites, até as arquibancadas das Arquibancadas, ou as Grandstands, até as Frisas ou caixas ao ar livre no mesmo nível da passarela do Samba.

 

O Sambódromo é um local magnífico para uma cidade maravilhosa que foi especialmente projetada com o espectador em mente. O design exclusivo é ideal para a exibição de desfiles.

 

O seu projeto, de autoria do arquiteto Oscar Niemeyer, foi implantado durante o primeiro governo fluminense de Leonel Brizola (1983-1987), visando a dotar a cidade de um equipamento urbano permanente para a exibição do tradicional espetáculo do desfile das escolas de samba. Inaugurada em 1984, com o nome oficial de “Avenida dos Desfiles”, marcou o início do sistema de desfiles das escolas de samba em duas noites, ao invés de em apenas uma noite, como era costume até então. Posteriormente, seu nome oficial mudou para “Passarela do Samba” e, finalmente, a partir de 18 de fevereiro de 1987, seu nome oficial passou a ser “Passarela Professor Darcy Ribeiro”, numa homenagem ao principal mentor da obra, o antropólogo Darcy Ribeiro. Essa denominação oficial se conserva até hoje. Popularmente, porém, a obra é mais conhecida como “Sambódromo”, que foi um termo cunhado pelo próprio Darcy Ribeiro[1] a partir da junção de “samba” com o sufixo de origem grega “dromo”, que significa “corrida, lugar para correr”.[3] Sua estrutura, em peças pré-moldadas de concreto, mede cerca de 700 metros de comprimento.

Comments

comments

Did you like this? Share it:

Sobre o Autor:

Leave A Comment

Você é humano?